12 de ago de 2017

Situações idênticas, decisões diferentes



Duas situações muito parecidas, decididas de forma completamente diferente. Em ambas as situações, o lateral direito recebe a bola e é pressionado pelo lado cego, com o adversário a concentrar muitos jogadores no corredor lateral onde a bola se encontra.

Situação A)

Pressionado pelas costas, o lateral do Braga decide rodar e realizar um passe, em esforço, para a frente. Rodeado por 3 adversários nem teve tempo e espaço para perceber o posicionamento dos colegas, e entregou a bola ao adversário. Em cobertura ofensiva tinha o central do lado direito, com todas as condições para receber a bola e rodar o centro de jogo para o lado contrário.

Situação B)

O lateral direito do Sporting, pressionado pelas costas, entrega a bola fácil na cobertura ofensiva. O jogador na cobertura utiliza o guarda-redes para fazer chegar a bola ao corredor lateral oposto, e o Sporting garante condições para entrar com a bola controlada no meio campo defensivo do adversário. 

1 comentários:

Francisco C. C disse...

A presença de Jonas mpertoais de Seferović do que Edinho de Zé Manuel faz com que o lateral Piccini se encontrar mais à vontade para além disso creio que o facto de a pressão de Seferović ser frontal ir diretamente ao adversario o faz duvidar se teria capacidade de dar condições ao colega enquanto que Piccini não tem uma pressão direta de aproximaçao pelo lado cego tem sim uma pressão forte nas costas...Apesar disso a decisão de Piccini acabou por ser a mais correta e a que parece de melhor leitura da situação mas as condições do lance são diferentes em pequenos aspetos que creio que fazem a diferença na decisão...

Fora disto, continuem o bom trabalho são umas máquinas!Digam o q acham da minha analise, debater para melhorar...

© Domínio Táctico 2012 | Blogger Template by Enny Law - Ngetik Dot Com - Nulis